Hábito é errado! Lavar uma porção de carne retira boa parte dos nutrientes que são solúveis.

Entre os brasileiros existe o hábito de lavar a carne, seja ela de gado, frango ou porco. Antes de prepará-la, muitos a colocam literalmente debaixo da torneira e sem nenhuma dor na consciência. Entende-se que tudo o que se lava, fica mais limpo. Mas no caso da carne, não é bem assim. A água não consegue retirar as bactérias que, porventura, estejam presentes neste alimento.

E mais: elas adoram água e proteína, portanto, quando se lava uma peça de carne a contaminação se espalha. O que as mata, neste caso, é o fogo. Além disso, lavar uma porção de carne retira boa parte dos nutrientes que são solúveis em água e, assim, vão embora pelo ralo.

Fonte: Revista Viva Saúde